>

A Associação Baiana do Mercado Publicitário – ABMP tornou-se a primeira entidade da Região Nordeste a aderir ao CENP-Conselho Executivo das Normas-Padrão, entidade privada criada por entidades nacionais do mercado publicitário para fomentar a livre e leal concorrência e difundir boas práticas no relacionamento comercial entre Anunciantes, Agências e Veículos de Comunicação, promovendo o modelo brasileiro de publicidade.

João Gomes, presidente da ABMP, celebra esta adesão como parte do trabalho de valorização do segmento no Estado. “A atual gestão da ABMP está bastante engajada em promover as agências e profissionais baianos para além das fronteiras estaduais. Este vínculo formado com o CENP é um ato de suma importância neste processo de fortalecimento não só da competência, mas dos valores que regem a comunicação”, opina.

Ao se tornar aderente, a ABMP passa a somar esforços com as entidades que também formalizaram adesão ao CENP: APP Brasil, Grupo de Atendimento, Grupo de Planejamento, Grupo de Mídia São Paulo, Associação Riograndense de Propaganda – ARP e Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa – Abep.

“Para o CENP, a adesão da ABMP é uma honra e uma demonstração de maturidade e compromisso do mercado baiano de publicidade”, diz Caio Barsotti, presidente da instituição. A partir desta filiação, a ABMP e seus associados poderão usufruir de benefícios como mediação e assessoria técnica relacionada às Normas-Padrão da Atividade Publicitária. Em contrapartida, a associação vai se engajar, ainda mais, em incentivar boas condutas no mercado publicitário da Bahia.

 

Sobre o CENP

O CENP (Conselho Executivo das Normas-Padrão) é uma entidade privada que tem como objetivo promover a ética e as boas práticas comerciais no mercado publicitário. Fundada por associações nacionais que representam as Agências de Propaganda, Veículos de Comunicação e Anunciantes e com participação de entidades que abrangem diferentes especialidades do setor, inclusive de profissionais, atua desde 1998 para fomentar a livre e leal concorrência, a conformidade com a legislação e para promover a autorregulação, que são os pilares do modelo brasileiro dos negócios da publicidade. O CENP baseia sua atuação nas Normas-Padrão da Atividade Publicitária e tem como responsabilidade certificar a qualidade técnica das agências, manter as listas de preços dos veículos de comunicação para comprovação, credenciar serviços especializados de informações de mídia e ser um fórum permanente de discussão técnica e comercial da área publicitária.