>

Os últimos anos tem sido marcados por muitos escândalos de corrupção. Porém, este não é um problema inerente ao setor político. Pode se manifestar em diversos ambientes, incluindo as empresas. Ações de compliance têm sido discutidas como a grande solução para por fim ao descumprimento de regras de base moral nas organizações, representa o uso de regras de conduta e ética. Em vista disso, a Associação Baiana do Mercado Publicitário – ABMP apoia o “Café com Compliance”, evento organizado pela Associação Brasileira de Agências de Publicidade – Abap-BA, que acontece 5 de abril, a partir das 8h, no Restaurante Barbacoa em Salvador.

O café conta com a presença dos advogados paulistanos Anne Caroline Prudêncio, David Rechulski e Luiz Navarro, do escritório Hage Advogados Associados, para discutir o funcionamento do compliance na publicidade. Tendo em vista a quantidade de áreas relevantes do trabalho no setor que podem ser atingidas e o compromisso com a qualidade, a ABMP destaca a importância de haver eventos como esse. O uso do compliance neste meio pretende impor limites em campanhas e promoções, semelhante às regras aplicadas as marcas de cigarro e bebidas alcoólicas.  No campo publicitário, essas normas são estabelecidas pelo Conselho Executivo de Normas Padrão e pelo Conselho Nacional de Autorregulação Publicitária (Conar).

 

Saiba mais sobre os palestrantes:

CRD---COMPLIANCE-(2)