Newstalgia – Tendência do Marketing 4.0

jun/2020

Quem viveu a década de 90, muito provavelmente deve se lembrar do sucesso das campanhas em comerciais de TV que faziam a família toda cantar. Em nossas lembranças a influência da publicidade e do marketing são marcadas por jingles, flash mobs e cenas de filmes memoráveis.

Uma dessas lembranças é marcada pelo jingle “Pipoca e Guaraná”, que não só nos remete a música, mas também as memórias extra sensoriais, que é o combo real de fazer pipoca e tomar Guaraná; quando pensamos nisso, todo um contexto é criado em nosso cérebro.

Todas essas lembranças, memórias e percepções antigas que temos hoje, são marcadas por um efeito que é denominado a “Era do Saudadosismo” ou, técnicamente falando “Newstalgia”. Não é à toa que a hashtag de “throwback” é uma das mais usadas nas redes sociais, marcada ainda pelo “dia oficial” da saudade – a quinta-feira.

A Newstalgia representa a criação de relacionamentos intergeracionais, ou seja, gerações diferentes experimentando as mesmas coisas. E, essa tendência é mais forte, quando os produtos, os momentos e etc., são atemporais; fazendo recriar e recordar a união de diferentes gerações.

Nos dia atuais que vivemos, com o advento do isolamento social, a newstalgia se tornou muito mais forte e, o apego ao passado tem sido recorrente.

Observando essa tendência na web, as marcas foram criando estratégias emocionais que dialoguem com essas experiências dos usuários, recriando em suas memórias conexões entre os bons momentos e as marcas.

Não é a toa que a neurociência tem sido muito utilizada nas campanhas de marketing e imprimindo a ele um novo momento: a emoção. Se, no passado, o marco era a razão para realizar uma compra e, isso incluía características e benefícios; hoje, a emoção é a responsável por isso, através das experiências sensitivas, afetivas e memoráveis.

Tão certo assim, que no último dia 30, o Guaraná Antarctica relançou o jingle “Pipoca e Guaraná”, dos anos 1990, em versão interpretada por Manu Gavassi, ex BBB. A marca quer usar da nostalgia (newstalgia) para reativar no público o prazer de momentos de entretenimento em casa. Agora a companhia aproveita para resgatar a campanha em uma nova roupagem, com direito à interpretação da cantora.

O anunciante também transmitiu shows com artistas que fizeram sucesso na década de 1990. Além disso, também fez parte da estratégia o acesso gratuito ao Telecine por 60 dias para os fãs de cinema.

A contratação da ex BBB mostra o direcionamento do Guaraná Antarctica para abrir conversas com o público jovem: “Manu é irreverente e autêntica. Depois de Pipoca e Guaraná, a melhor dupla para ativar a nostalgia e cultura pop é esse hit da marca e Manu Gavassi”, conta o diretor de Marketing, Pedro Thompson.

A nova plataforma de entretenimento também apresenta a nova identidade visual da marca. Um ícone em formato de uma pipoca e frutos de guaraná, base de uma série de ilustrações e padrões, que serviram para criação do design system. O layout também foi reproduzido em produtos especiais, que irão ganhar as redes sociais com influenciadores, como mais um incentivo para aproveitarem um momento pipoca, guaraná e filme de suas casas.

Portanto, a era da “Newstalgia” não é apenas um recorte de afeto ao passado, mas uma estratégia de muita potência que as equipes de marketing vem aproveitando com muita sagacidade.

Laila Bensabath

Laila Bensabath

Colunista Convidada

Growth Hacker Manager & Digital Marketing
LinkedIn Laila Bensabath

Mais artigos

Uma releitura sobre a importância do branding, pós pandemia

Neste exato momento, protagonizamos um dos maiores acontecimentos globais, vivendo um mundo totalmente inesperado e cheio de incertezas. Situações caóticas em vários níveis de segmentação, que nos deixaram desprevenidos para uma etapa anterior: a preparação para este...

ler mais

Até onde a lei da proteção cuida de nós?

Uma semana antes da OMS emitir o alerta sobre a epidemia do novo coronavírus na China, a startup de inteligência artificial BlueDot detectou a doença e os locais onde iria se espalhar. O alerta poderia ser dado antecipadamente para toda sociedade, porém a tecnologia...

ler mais

Brand Safety em tempos de fake news

Primeiro a desconfiança sobre a eficácia, depois o encantamento: algoritmos que escolhem com base em IA quais melhores sites/portais/apps para sua campanha ser exibida! A automatização da mídia ou mídia programática  é amplamente usada para melhorar a performance de...

ler mais

Sobre o coronavírus, o marketing e as empresas

“Toda crise gera uma oportunidade” ou “Enquanto uns choram outros vendem lenços” são adágios conhecidos de todos. Com o coronavírus não tem sido diferente, mas além de algumas oportunidades, a pandemia tem provocado uma série de ações por parte das empresas...

ler mais

junte-se ao mercado