É tempo de despir-se do IDEAL e se vestir do POSSÍVEL

jan/2024

Anúncio de um novo ano; novos tempos; novas possibilidades!

A essa altura, aposto que você já escreveu e revisou mil vezes sua listinha de desejos para o novo ano …

… Mas, que tal, se você aceitasse minha sugestão de se debruçar numa nova lista? A lista de assuntos pendentes: ela é que poderá atrapalhar sua concentração, desde os 1os dias de 2024!

Ao invés de traçar suas prioridades, se você investir em definir formas de atualizar suas pendências, estará, possivelmente, garantindo mais momentos de bem estar.

Saúde mental é artigo de luxo, e não tem como garantir equilíbrio emocional, se você carregar toda a carga do que não resolveu, no tempo que você estimava já ter resolvido.

Não existe sensação mais prazerosa do que aquela de ter sanado todas as pendências, das mais bestas às mais complexas.

Muita gente deixa pra viver o Verão, o Carnaval… e só depois de permite olhar pro ano novo.

Se você focar na oportunidade de renovação que essa mudança de ciclo que o Réveillon traz, poderá organizar formas dessa lista diminuir, ou até deixar de existir.

Então, torne-se vigilante de si mesmo, para evitar se manter preso às cobranças pessoais, que, muitas vezes, são muito piores que as externas.

Que 2024 seja um ano em que você possa viver o luto do perfeito, para aceitar o imperfeito. O pavor que as pessoas têm, da rejeição e da reprovação, motiva um mecanismo de auto sabotagem, fazendo com que elas próprias procrastinem e insistam em atividades que deveriam priorizar, sejam elas questões ligadas à aparência, ao seu desempenho profissional, ou à sua vida pessoal.

O que você está fazendo por você mesmo, e o que ainda pode fazer? Que parâmetro você está utilizando para se comparar?

É preciso viver o que faz sentido pra você!

Não existe melhor ou pior; nem certo e errado; desde que você descubra o que faz o seu coração vibrar!

Certo é o que faz total sentido pra você; é o que te faça feliz!

O equilíbrio está em não deixar para segundo plano nenhum dos seguintes aspectos: no âmbito pessoal, procure aproveitar para se cercar de amigos e parentes que te amam e que fazem seu coração vibrar. Promover o afastamento de todos que te mobilizam negativamente é um passo na direção da proteção emocional.

No aspecto profissional, faça um balanço de todo o conhecimento adquirido e mais as habilidades desenvolvidas e, em caso de incertezas, não hesite em consultar um mentor, que possa te guiar numa direção mais assertiva ao seu propósito.

No quesito financeiro, procure fazer um levantamento de todas as suas dívidas, e vá organizando, por ordem de prioridades, a quitação delas, antes de sair comprando o Shopping inteiro ou enchendo os carrinhos virtuais de novos débitos, que farão você iniciar o ano com a mesma sensação de sufocamento que você se encontra.

E, não deixe de lado o investimento na sua espiritualidade. Há evidências de que pessoas com espiritualidade bem desenvolvida tendem a adoecer menos. Identifique qual a comunidade que você mais sintoniza e invista em trabalhos voluntários e na sua paz de espírito. Para muitas pessoas, a espiritualidade é um amparo e fonte de conforto, bem-estar, segurança, significado, ideal e força.

Aproveite 2024 para transformar suas promessas em conquistas, modificando a sua realidade e a você mesmo, olhando atentamente as possibilidades reais de crescimento.

A grande virada acontecerá quando você internalizar que precisa despir-se do ideal, para vestir-se do que é possível, com os recursos dos quais dispõe.

É tempo de investir em novas habilidades, desenvolver novos recursos e se mover na direção do que te deixe mais realizado.

Bora! Não desperdice tempo e energia sofrendo porque o outro parece mais feliz. Foque em si e no que pode fazer para que alcance a sua felicidade, sem comparações.

Se você ficar olhando demais para a grama do vizinho, pode esquecer de regar a sua. Concentre-se em cuidar do seu gramado. Tudo é possível, a partir daí. Tens 1 ano inteirinho à sua espera!

_______________
O conteúdo e opinião publicados neste artigo são de inteira responsabilidade do autor ou autora.

Sinara Dantas Neves

Sinara Dantas Neves

Colunista

@acuradoraferida
Doutora e pós doutoranda em Família na Sociedade Contemporânea (UCSaL-BR/ ICS- Universidade de Lisboa – PT);
Mestre em Psicologia (USP); Psicoterapeuta sistêmica (ABRATEF 206-BA); Professora universitária há 23 anos;
Pesquisadora da Conjugalidade; Escritora; Palestrante;

Mãe, amante da sua profissão e apaixonada por gente!

Mais artigos

Axé para quem é de Axé! Axé, Anitta!

A perda de seguidores após uma revelação religiosa pode ser encarada como um verdadeiro livramento divino. Aqueles que se afastam de nós nesse momento estão apenas mostrando que não estavam verdadeiramente alinhados com nossos valores e crenças mais profundas. É...

ler mais

Não era amor. Era pix. A relação por interesse.

Em um mundo cada vez mais movido por interesses e conveniências, é comum nos depararmos com relacionamentos que se baseiam em trocas e benefícios mútuos, em detrimento de sentimentos genuínos e conexões emocionais reais. O que antes era conhecido como amor, agora...

ler mais

O furar bolhas necessário se cada dia

Você ainda acredita que furar bolhas é mimimi? Acorde, viu! Furar bolhas é fundamental para se tornar um profissional completo e capaz de agregar valor em sua área de atuação. Ao se manter restrito em um determinado ambiente, sem buscar experiências e conhecimentos...

ler mais

junte-se ao mercado