COLUNISTAS

Valeu pelo seu post colorido de junho! A galera lgbtqia+ agradece! Mas nos outros meses o que você tem feito de verdade para combater o preconceito? Que tal começar pelos “simples” discursos que só potencializam homofobia, transfobia & bifobia?

Valeu pelo seu post colorido de junho! A galera lgbtqia+ agradece! Mas nos outros meses o que você tem feito de verdade para combater o preconceito? Que tal começar pelos “simples” discursos que só potencializam homofobia, transfobia & bifobia?

“Você é gay?” “Como você virou lésbica?” Vem cá, alguém fica perguntando por aí se você é hétero? Como você virou hétero ou com quantos anos você decidiu ser hétero? Como foi falar para seus pais? Então se toca e pare de ser desnecessári@. “Mas bissexual, pansexual,...

ler mais
Enviar currículo de papel já pode ser considerado cringe?

Enviar currículo de papel já pode ser considerado cringe?

Fui ali na chapada dar um mergulho em águas quase glaciais e quando voltei o papo era: ser ou não cringe. Já alinhando o meu lugar de fala, devo esclarecer que sou tão cringe, tão cringe, que minha geração nem foi convidada para a conversa. Deixando um pouco mais...

ler mais
Nem tudo é o que parece ser

Nem tudo é o que parece ser

“Ao nascer, foi entregue para adoção por sua mãe solteira. Na escola, destacou-se tanto pela inteligência como pela indisciplina e molecagem. Aos 15 anos, teve um primeiro emprego na HP, comprou um carro velho e passou a fumar maconha. Aos 19, descalço, vegetariano...

ler mais
E você, qual é a sua Fé?

E você, qual é a sua Fé?

A maioria de vocês deve estar achando estranho essa pergunta, afinal a fé muitas vezes é sinônimo de religião e devoção a esta. Mas a descoberta da fé, ou mais especificamente da minha fé, foi e está sendo o maior desafio da minha vida. Compreender e desvendar a fé,...

ler mais
Até onde a lei da proteção cuida de nós?

Até onde a lei da proteção cuida de nós?

Uma semana antes da OMS emitir o alerta sobre a epidemia do novo coronavírus na China, a startup de inteligência artificial BlueDot detectou a doença e os locais onde iria se espalhar. O alerta poderia ser dado antecipadamente para toda sociedade, porém a tecnologia...

ler mais
Brand Safety em tempos de fake news

Brand Safety em tempos de fake news

Primeiro a desconfiança sobre a eficácia, depois o encantamento: algoritmos que escolhem com base em IA quais melhores sites/portais/apps para sua campanha ser exibida! A automatização da mídia ou mídia programática  é amplamente usada para melhorar a performance de...

ler mais
Sobre o coronavírus, o marketing e as empresas

Sobre o coronavírus, o marketing e as empresas

“Toda crise gera uma oportunidade” ou “Enquanto uns choram outros vendem lenços” são adágios conhecidos de todos. Com o coronavírus não tem sido diferente, mas além de algumas oportunidades, a pandemia tem provocado uma série de ações por parte das empresas...

ler mais
Atendimento em tempos de Coronavírus

Atendimento em tempos de Coronavírus

Era esperado para uma geração que não viveu a gripe espanhola, nem a guerra, e que só viu o ebola pelo cinema ter dificuldade de compreender o que estamos passando. Meu filho de 11 anos me perguntou: mas quando você era do meu tamanho teve uma doença assim? Um vírus...

ler mais
Reflexões sobre Fake News e o poder

Reflexões sobre Fake News e o poder

Informação é poder. Sempre foi. Até o século 20, quem detinha a informação detinha o poder. No século 21 o poder é de quem compartilha a informação. Isso está atrelado ao crescimento da internet e às redes sociais. Então, podemos afirmar que o fenômeno das fake news...

ler mais
O necessário preço da incerteza

O necessário preço da incerteza

Crime de responsabilidade. Crime de falsidade ideológica. Interferências políticas na autonomia da justiça. A negação da sustentação de toda a base de um discurso. Gravíssimo.Freud já nos falava da nossa predisposição natural a recusar fatos que contrariassem a nossa...

ler mais
“Gripezinha”, a marca registrada

“Gripezinha”, a marca registrada

O Coronavírus já tem uma marca registrada: “Gripezinha”. E não foi criação de nenhum publicitário de renome, pelo contrário, o idealizador do conceito é um cidadão de baixos instintos e pouca cultura, admirador de ídolos de pê de barro, um deles um americano também de...

ler mais
Lições aprendidas de dentro de casa!

Lições aprendidas de dentro de casa!

Há quase 20 dias eu me mudei, para a minha própria casa! Agora vivo aqui, 24 horas por dia, de onde eu escrevo este texto!  O lar virou o meu refúgio, um porto seguro, o local de trabalho, o espaço de lazer e de descanso.  Nunca imaginei que de dentro da...

ler mais

junte-se ao mercado